constelação familiar (33) frustração (28) Bert Hellinger (21) alegria (21) amor (18) família (18) constelação (14) doença (13) casamento (11) dinheiro (9) felicidade (9) relacionamento (9) confusão (8) depressão (8) problemas (8) separação (8) tristeza (8) consequência (6) depressão masculina (6) filhos (6) morte (6) desgaste (5) desordem (5) dor (5) familiar (5) gravidez (5) sucesso (5) casal (4) crianças (4) sistemica (4) trabalho (4) alzheimer (3) amor fraternal (3) carência (3) crise (3) dificuldade (3) dificuldades na leitura fala e aprendizado (3) equilíbrio (3) excesso (3) fidelidade (3) fome (3) medicina (3) mudança (3) mulher (3) mãe (3) riqueza (3) sintomas (3) solidão (3) traumas (3) abandono (2) adolescente (2) alcoolismo (2) assassinato (2) autoconhecimento (2) cancer (2) constatação (2) cuidado (2) emprego (2) espirros (2) estresse (2) exame (2) gasto (2) mentira (2) mioma (2) monstros (2) médico (2) pais (2) perdão (2) profissão (2) saúde (2) sobrevivência (2) suicídio (2) tosse (2) 10 cartórios (1) Joel Aleixo (1) acidente (1) alcoólatra (1) apetite insaciável (1) barriga (1) bebê (1) beleza (1) bullying (1) cabelo (1) cabeça (1) cansaço (1) certidão (1) chapinha (1) cidadania (1) crime (1) cromossomo (1) cão (1) dengue (1) descobertas (1) descontrole (1) descuido (1) desemprego (1) detran (1) dia-a-dia (1) diarréia (1) dor nas costas (1) dúvida (1) empresa (1) esterelidade masculina (1) estética (1) exercício (1) florais (1) gato (1) gripe suína (1) guerra (1) habilitação (1) homem (1) idoso (1) independência (1) irmãos (1) irmãs (1) juventude (1) klinefelter (1) livro (1) mal estar (1) mamografia (1) mosquito (1) mãe solteira (1) namoro (1) noivado (1) novidade (1) odiar os homens (1) paciente (1) poder judiciário (1) poupatempo (1) progressiva (1) pênis (1) remédio (1) representante (1) segredo (1) seios (1) síndrome (1) tarot (1) teimosia (1) teste (1) tragédia (1) traição (1) vacina (1) verme (1) violência (1) visual (1) água (1) ética (1) útero (1)

Ciclistas urbanos correm risco de problemas cardíacos

O ESTADO DE S.PAULO
VIDA&
Pág A 17
edição de 23 de Agosto de 2005

Poluição dos veículos danifica os vasos sanguíneos, aumentando o risco de doenças cardíacas, revela estudo

Sunday Times

LONDRES - Os ciclistas podem estar se prejudicando mais do que se beneficiando quando pedalam para o trabalho por ruas congestionadas, segundo pesquisa pioneira da British Heart Foundation. Testes mostraram que, depois de apenas uma hora pedalando no meio do tráfego, as partículas microscópicas presentes nas fumaças de veículos a diesel causam danos significativos nos vasos sanguíneos, aumentando o risco de doenças cardíacas.

Os que pedalam em alta velocidade na esperança de melhorar seu preparo físico estão se prejudicando ainda mais, pois respiram volume maior de ar poluído.

Não existe dúvidas sobre os benefícios do ciclismo: melhora a circulação e o preparo físico e emagrece. Mas a pesquisa aponta que o ganho pode ser apagado pela poluição. "Enquanto se exercitam, os ciclistas respiram duas a três vezes mais ar do que os motoristas de carro. É preciso posicionar as ciclovias longe das vias principais", disse David Newby, cardiologista da British Heart Foundation e da Universidade de Edimburgo.

No teste, 15 homens saudáveis pedalaram em bicicletas ergométricas numa câmara enquanto eram expostos a níveis de gases de exaustão de diesel diluídos comparáveis ao ar que inalariam pedalando numa rua congestionada da cidade. Os homens pedalaram por uma hora.

Seis horas depois da exposição à fumaça, foram detectados danos em seus vasos sanguíneos, que se tornaram menos flexíveis, e a redução de uma proteína que quebra os coágulos de sangue no coração. Esse dano é associado aos primeiros estágios de distúrbios cardíacos.

O sistema atual de localizar a maior parte das ciclovias dentro de faixas de ônibus tem o efeito perverso de obrigar os ciclistas a inalarem o ar mais perigoso, aquele expelido por ônibus a diesel.

Essa advertência sanitária vai desanimar muitas pessoas que optaram pelas bicicletas para melhorar seu preparo físico, evitar o alto preço dos combustíveis ou, em Londres, porque temem outro ataque terrorista ao transporte público. O ciclismo urbano está aumentando. Em Londres, ele cresceu 25% no ano passado, segundo a CTC, uma organização nacional de ciclistas. O transporte londrino registrou 50 mil viagens de bicicleta extras por semana desde os atentados de 7 de julho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
COMENTÁRIOS ENVIADOS AO MEU E-MAIL COMO "ANÔNIMO" NÃO PODEM SER RESPONDIDOS (o sistema não identifica você, então como vou responder?)

Se você quiser uma resposta rápida, pessoal e direta, mande para curapessoal@gmail.com, e não se esqueça de colocar o seu e-mail para que eu possa responder.

POSTAGENS QUE CONTEREM NOMES DE MEDICAMENTOS SERÃO DESCARTADAS (para não conduzirem à automedicação) OU EDITADAS.

Postagens que eu considerar inapropriadas por conter nomes que comprometam terceiros serão descartadas.