constelação familiar (33) frustração (28) Bert Hellinger (21) alegria (21) amor (18) família (18) constelação (14) doença (13) casamento (11) dinheiro (9) felicidade (9) relacionamento (9) confusão (8) depressão (8) problemas (8) separação (8) tristeza (8) consequência (6) depressão masculina (6) filhos (6) morte (6) desgaste (5) desordem (5) dor (5) familiar (5) gravidez (5) sucesso (5) casal (4) crianças (4) sistemica (4) trabalho (4) alzheimer (3) amor fraternal (3) carência (3) crise (3) dificuldade (3) dificuldades na leitura fala e aprendizado (3) equilíbrio (3) excesso (3) fidelidade (3) fome (3) medicina (3) mudança (3) mulher (3) mãe (3) riqueza (3) sintomas (3) solidão (3) traumas (3) abandono (2) adolescente (2) alcoolismo (2) assassinato (2) autoconhecimento (2) cancer (2) constatação (2) cuidado (2) emprego (2) espirros (2) estresse (2) exame (2) gasto (2) mentira (2) mioma (2) monstros (2) médico (2) pais (2) perdão (2) profissão (2) saúde (2) sobrevivência (2) suicídio (2) tosse (2) 10 cartórios (1) Joel Aleixo (1) acidente (1) alcoólatra (1) apetite insaciável (1) barriga (1) bebê (1) beleza (1) bullying (1) cabelo (1) cabeça (1) cansaço (1) certidão (1) chapinha (1) cidadania (1) crime (1) cromossomo (1) cão (1) dengue (1) descobertas (1) descontrole (1) descuido (1) desemprego (1) detran (1) dia-a-dia (1) diarréia (1) dor nas costas (1) dúvida (1) empresa (1) esterelidade masculina (1) estética (1) exercício (1) florais (1) gato (1) gripe suína (1) guerra (1) habilitação (1) homem (1) idoso (1) independência (1) irmãos (1) irmãs (1) juventude (1) klinefelter (1) livro (1) mal estar (1) mamografia (1) mosquito (1) mãe solteira (1) namoro (1) noivado (1) novidade (1) odiar os homens (1) paciente (1) poder judiciário (1) poupatempo (1) progressiva (1) pênis (1) remédio (1) representante (1) segredo (1) seios (1) síndrome (1) tarot (1) teimosia (1) teste (1) tragédia (1) traição (1) vacina (1) verme (1) violência (1) visual (1) água (1) ética (1) útero (1)

Constelações Sistêmicas: Um efeito inexplicável...

Num dos meus workshops de constelação familiar uma moça que tem leves problemas mentais pediu para constelar. Leves o suficiente para que se demore um pouco a perceber, mas grave o suficiente para que ela não possa trabalhar.

Ela disse que queria mudar sua vida. Pedi para que ela escolhesse uma pessoa que a representasse, ela escolheu uma senhora. Logo que ela foi posicionada no centro da sala, começou a olhar para os lados, como se procurasse algo, começou a andar de um lado a outro. Na verdade estava perdida. Coloquei um rapaz no canto da sala, em pé, para onde ela se dirigiu, trocou olhares e um fraterno abraço, e ambos, abraçados, olhavam para o chão. Coloquei uma pessoa deitada olhando para eles, a representante se aproximou, olhava com carinho mas a pessoa no chão olhava para o lado, como se olhasse para outra pessoa - coloquei mais uma pessoa deitada. A cliente chorava assistindo.

As duas pessoas deitadas olhavam para a cliente com amor, mas ainda faltava mais alguém, e lá foi mais uma pessoa ao lado delas. E depois, mais uma. Pedi que a representante tocasse na cabeça de todos, e com um pouco de tempo, uma delas fechou os olhos. Pedi que a representante fizesse uma reverência à todas estas pessoas, e chamei também a própria cliente e a irmã, que assistia ao trabalho também chorando, para fazerem uma longa e profunda reverência. Depois de alguns minutos nesta posição, as outras pessoas também fecharam os olhos.

Sem que nenhum dos representantes dissesse uma palavra sequer, algo aconteceu. E não importa o que aconteceu no passado, quem eram aquelas pessoas, porque estavam deitadas, porque a cliente e a irmã choravam, enfim.

Dias depois encontrei casualmente a irmã na rua, e perguntei da moça, como ela havia ficado depois da constelação. "Está estranhamente feliz, desde aquele dia não brigou com ninguém, não discutiu com ninguém, agora ela é só sorrisos e está falante como nunca esteve! Que milagre foi esse, minha mãe até perguntou!!!"

Algo na alma dela se completou, e ela finalmente pôde encontrar paz. Nada que faça sentido para nós é importante; dentro dela, ao ver aquelas pessoas e reverenciá-las, algo fez sentido, e é isso o que importa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
COMENTÁRIOS ENVIADOS AO MEU E-MAIL COMO "ANÔNIMO" NÃO PODEM SER RESPONDIDOS (o sistema não identifica você, então como vou responder?)

Se você quiser uma resposta rápida, pessoal e direta, mande para curapessoal@gmail.com, e não se esqueça de colocar o seu e-mail para que eu possa responder.

POSTAGENS QUE CONTEREM NOMES DE MEDICAMENTOS SERÃO DESCARTADAS (para não conduzirem à automedicação) OU EDITADAS.

Postagens que eu considerar inapropriadas por conter nomes que comprometam terceiros serão descartadas.