constelação familiar (33) frustração (28) Bert Hellinger (21) alegria (21) amor (18) família (18) constelação (14) doença (13) casamento (11) dinheiro (9) felicidade (9) relacionamento (9) confusão (8) depressão (8) problemas (8) separação (8) tristeza (8) consequência (6) depressão masculina (6) filhos (6) morte (6) desgaste (5) desordem (5) dor (5) familiar (5) gravidez (5) sucesso (5) casal (4) crianças (4) sistemica (4) trabalho (4) alzheimer (3) amor fraternal (3) carência (3) crise (3) dificuldade (3) dificuldades na leitura fala e aprendizado (3) equilíbrio (3) excesso (3) fidelidade (3) fome (3) medicina (3) mudança (3) mulher (3) mãe (3) riqueza (3) sintomas (3) solidão (3) traumas (3) abandono (2) adolescente (2) alcoolismo (2) assassinato (2) autoconhecimento (2) cancer (2) constatação (2) cuidado (2) emprego (2) espirros (2) estresse (2) exame (2) gasto (2) mentira (2) mioma (2) monstros (2) médico (2) pais (2) perdão (2) profissão (2) saúde (2) sobrevivência (2) suicídio (2) tosse (2) 10 cartórios (1) Joel Aleixo (1) acidente (1) alcoólatra (1) apetite insaciável (1) barriga (1) bebê (1) beleza (1) bullying (1) cabelo (1) cabeça (1) cansaço (1) certidão (1) chapinha (1) cidadania (1) crime (1) cromossomo (1) cão (1) dengue (1) descobertas (1) descontrole (1) descuido (1) desemprego (1) detran (1) dia-a-dia (1) diarréia (1) dor nas costas (1) dúvida (1) empresa (1) esterelidade masculina (1) estética (1) exercício (1) florais (1) gato (1) gripe suína (1) guerra (1) habilitação (1) homem (1) idoso (1) independência (1) irmãos (1) irmãs (1) juventude (1) klinefelter (1) livro (1) mal estar (1) mamografia (1) mosquito (1) mãe solteira (1) namoro (1) noivado (1) novidade (1) odiar os homens (1) paciente (1) poder judiciário (1) poupatempo (1) progressiva (1) pênis (1) remédio (1) representante (1) segredo (1) seios (1) síndrome (1) tarot (1) teimosia (1) teste (1) tragédia (1) traição (1) vacina (1) verme (1) violência (1) visual (1) água (1) ética (1) útero (1)

Constelações Sistêmicas: Sob outro ponto de vista

O que você vê nesta ilustração?

Numa constelação familiar em grupo (workshop), pode-se observar muitas coisas sob outros pontos de vista.

Recentemente, uma cliente que sabia de uma estória familiar deu-se conta que não era uma história real, e sim uma estória* pontuada de fatos fantasiosos. Imaginava que o avô era a fonte de um desentendimento familiar, mas ficou tão claro como o sol ao meio dia de que não se tratava disso, e sim de outras pessoas que queriam que esta imagem assim ficasse, cheia de "mentiras". Quem conta um conto, aumenta um ponto.

Em outro workshop, uma cliente que colocou outro desentendimento familiar percebeu que o tio, que julgava ser o vilão, na constelação estava totalmente alheio à tudo aquilo, e que sua esposa desejava a reconciliação, fato este inimaginável para a cliente.

Em outra constelação, um rapaz que constelou a relação com o pai percebe que sua mãe ainda ama aquele homem, e que seu pai, apesar de ter se casado novamente, nunca a esqueceu.

E o que isso muda na vida da pessoa?

Bem, muita coisa. Saber ou perceber que existe a possibilidade de uma reconciliação de maneira tão aberta, faz com que nosso coração se amoleça. Saber que desde criança uma mulher ouve estórias sobre uma relação que são falsas, exageradas, muda toda a maneira de ver o feminino - o seu feminino - na vida, abre-se então para relacionamentos verdadeiros. Descobrir que seus pais na verdade ainda se amam, apesar deste amor ser velado, fortalece um filho.

E ter este novo olhar, este novo paradigma, é uma das coisas que mais me surpreende neste trabalho. Que basta, tantas vezes, estar sob outro ângulo para perdoar, amar, deixar de sofrer ou assumir suas responsabilidades. Simples assim.



* Estória: Narrativa de ficção; exposição romanceada de fatos puramente imaginários; conto, novela, fábula: estórias de quadrinhos.
* História: Narração de acontecimentos e atividades humanas ocorridas no passado, reais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
COMENTÁRIOS ENVIADOS AO MEU E-MAIL COMO "ANÔNIMO" NÃO PODEM SER RESPONDIDOS (o sistema não identifica você, então como vou responder?)

Se você quiser uma resposta rápida, pessoal e direta, mande para curapessoal@gmail.com, e não se esqueça de colocar o seu e-mail para que eu possa responder.

POSTAGENS QUE CONTEREM NOMES DE MEDICAMENTOS SERÃO DESCARTADAS (para não conduzirem à automedicação) OU EDITADAS.

Postagens que eu considerar inapropriadas por conter nomes que comprometam terceiros serão descartadas.